cabecalho PauloMouraoSenador131 1900x600

Notícias

Candidato a Senador Paulo Mourão apresenta site e propostas a representantes de sindicatos

O candidato a senador Paulo Mourão (PT) pela coligação Frente Alternativa (PT, Rede, PV, PRTB, PC do B e PSD) se reuniu na noite desta quarta-feira, dia 29, na sede do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins (SINDARE) com  representantes de sindicatos para apresentar suas propostas para o Senado e a plataforma “Participe para a Evolução do Tocantins”, uma ferramenta de campanha do site do candidato, que será utilizada como instrumento indutor de debate popular.

reuniao com sindicatos SINDARE 29 08 18 27

Estavam presentes, além do presidente do Sindare, Jorge Couto, o presidente do Sindicato dos Peritos Oficiais do Estado do Tocantins (Sindperito), José Rodrigues da Silva Filho; o presidente do Sindicato dos Instrutores de Trânsito, Eduardo Siqueira Costa; representando do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), o secretário geral Karlos Furtado e Rosimar Mendes; o Assessor Especial da CUT, Saulo Campos, além de membros dos sindicatos citados acima.

Paulo Mourão disse aos sindicalistas que a plataforma é uma ferramenta que será usada para fomentar o debate no Estado. “É um projeto de visão da cidadania que movimentará o sentimento e os anseios da sociedade, estimulando assim, a consciência política e fortalecendo o envolvimento do nosso povo nas discussões, promovendo uma grande interação para compreender melhor e retratar a realidade dos anseios da sociedade”, destacou.

Candidatura ao Senado

O senadoriável falou que o motivo que o leva ao projeto de candidatura ao Senado, é principalmente pela vontade que tem em defender os assuntos de interesse do Estado. “O povo brasileiro precisa de senadores experientes, comprometidos e com coragem para fazer a defesa dos assuntos do Estado cidadão e não do sistema financeiro, zelando principalmente pelos direitos constitucionais do povo brasileiro e promovendo as leis que de fato beneficiem nossa gente” afirmou,

Reforma da Previdência

“Temos que eleger senadores compromissados em fazer os estudos aprofundados das reformas: como a da Previdência, Tributária e a Trabalhista, essa que principalmente envolve os direitos da nossa classe trabalhadora.  Não dá para sair por aí aprovando reformas sem antes fazermos os estudos das receitas e do diferencial social, observando as desigualdades sociais e regionais do País”, observou.

Mourão que sempre foi preocupado com assuntos referentes a previdência, destacou que a Seguridade Social Brasileira é composta por um volume grande de fontes de receitas e que não justifica dizer que há um déficit previdenciário no Brasil. “A Seguridade Social possui algumas fontes de receitas provenientes de impostos, como o IPI, PIS/PASEP, FGTS, Imposto de Renda, o Imposto Sobre o Lucro e o COFINS que é uma das maiores receitas. Tudo isso compõe a seguridade social.  Então o volume desses recursos é o tamanho que o governo federal retira da seguridade social 20% que são as Desvinculações de Receitas da União (DRU). Se a Seguridade Social está deficitária como eles afirmam, porque então eles retiram esses 20%? Isso não deveria acontecer. Então eu como Senador vou pedir uma auditoria sobre as receitas”, destacou.

Para Mourão, a forma como está sendo proposta a Reforma da Previdência fará com que a maioria dos brasileiros sejam penalizados, trabalhando cada vez mais e se aposentando mais tarde. O Candidato disse que também que vai propor um estudo sobre a questão da idade abrangendo a situação do trabalhador de cada região do país. “A idade média do povo tocantinense é 73,4 anos, a dos nordestinos é de 68,9 e a da população do sul é de 76,8%. Como é eu vou pegar o trabalhador e dizer que só vai aposentar quando ele tiver 66 anos, isso não é possível, é de uma crueldade. Não só prejudicará as camadas de menor renda, mas a população que mora nas regiões Norte e Nordeste, ampliando a desigualdade regional e a desigualdade de renda no país. Então eu tenho que fazer um estudo maior sobre essa ordem heterogênea e miscigenada que é o Brasil, observando as desigualdades sociais e regionais do país”, explicou.

Reforma Tributária

O senadoriável disse que a reforma Tributária é outro ponto que precisa ser melhor debatida e avaliada. Ele defende e reforça que o país não vai conseguir avançar se não fizer uma revisão tributária. “Temos que ter uma discussão ampla sobre a modernização do sistema tributário brasileiro, da revisão dos benefícios tributários à carga tributária no país. Só para se ter uma ideia a soma de todos os impostos, contribuições e taxas pagas pelos cidadãos e empresas em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) está entre as mais altas do mundo”, pontuou Paulo Mourão.

Mourão explica que a carga tributária brasileira tem um peso muito elevado de impostos que prejudica o crescimento econômico do país. Os brasileiros convivem com um sistema de arrecadação de impostos muito complexo e ineficiente, que aumenta os custos, eleva a carga tributária, gerando insegurança e prejudica principalmente o crescimento da nossa economia. “A alta carga tributária impede o crescimento do PIB e o desenvolvimento do Brasil, em função das altas taxas dos juros. Então é preciso haver um equilíbrio desejável e necessário para o reencontro do país com o crescimento econômico e com a inclusão social”, avaliou.

Reforma Trabalhista

Com relação a Reforma Trabalhista o candidato ao Senado disse que teve alguns avanços para a relação empresarial e empregado, mas que o resultado dessa reforma não foi muito boa para a classe trabalhadora. “Essa reforma não foi muito bem concebida, infelizmente não houve interesse no diálogo. É preciso entender que o sistema de relações do trabalho necessita ser modernizado, mas da forma como foi feita não andou para a frente, mas sim, para trás, ocorrendo um retrocesso com precarização dos direitos de trabalhadoras e trabalhadores cometida pelo Governo Temer Isso também precisa ser melhor avaliado”, considerou.

Livro

Após a explanação, o candidato recebeu das mãos presidente do Sindare, Jorge Couto, um livro sobre “A Reforma Tributária Necessária: Diagnóstico e Premissas”, escrito por 42 especialistas, que traz 39 artigos em seu conteúdo, com estudos na área do direito tributário.

Jorge Couto disse que é um estudo da qual o Sindare fez parte,  que traz uma reforma solidária pensando mais no cidadão. “Temos neste livro diversos dados internacionais e nacionais bem contemporâneos com alternativas e soluções significativas para o sistema tributário brasileiro, com o princípio de combater a excessiva carga tributária sobre o consumo e atacando de forma mais veemente o patrimônio onde há grande concentração de rendas”, justificou.

“Esta publicação é para subsidiar não apenas a sua campanha, mas principalmente a sua atuação dentro do Senado.  O senhor é um político que tem tido o compromisso de combater essa absurda desigualdade no tratamento tributário e econômico do país, por isso este livro é para o senhor fazer uma leitura ampla acerca do assunto, e entender melhor quais ações podem ser feitas para melhorar nosso País”, destacou Jorge Couto.

Plataforma Participe

A plataforma “Participe Pela Evolução do Tocantins” é uma ferramenta que está disponível no site de campanha do candidato ao Senado PauloMourão. Os interessados em contribuir para a discussão, basta acessar a plataforma através de computador, smartphone ou tablet, por meio do endereço: www.paulomourao131senador.com.br, e fazer um cadastro simplificado na própria plataforma, em seguida fazendo o login para estar apto a participar dos debates pela evolução do Tocantins.

Após o login, basta opinar nas conversas, que são divididas em cinco eixos temáticos: Desenvolvimento Agro Sustentável, Economia e Tributos, Educação e Inovação, Segurança e Inclusão, Saúde e Bem-estar.

A dinâmica de participação se dá em um fórum de discussão, permitindo a sua opinião e a interação com a opinião dos outros participantes. Para isso basta escolher a, ou as conversas, e participar da evolução do Tocantins, sendo atuante na elaboração da plataforma de ação do senadoriavelPaulo Mourão.

O cidadão pode ainda sugerir novos temas sejam debatidos na plataforma enviando uma mensagem e a equipe do candidato vai trabalhar para disponibilizar a conversa necessária para a discussão de novas políticas públicas para a sua comunidade.

Foto: Antônio Gonçalves

Senador Paulo Mourão * Suplentes: Professora Germana e Dr. Luis Antônio * Coligação Frente Alternativa PT – Rede – PV – PRTB – PDT – PTB – PCdoB e PSD * Site Oficial